OS 15 PRINCIPAIS SINTOMAS DE FEBRE AMARELA




Os 15 Principais Sintomas de Febre Amarela  que você devemos conhecer. Além disso, os sintomas da Febre Amarela surgem cerca de 3 a 6 dias após a picada de um mosquito Aedes Aegypti ou Haemagogus Sabethes infectado com o vírus, sendo esta chamada de fase aguda da doença. Depois da fase aguda, os sintomas podem desaparecer por 1 ou 2 dias, porém rapidamente surgem outros sintomas, mais graves, que podem levar à morte, dando origem à fase tóxica da Febre Amarela.

Febre Amarela é uma doença infecciosa, de gravidade variável, causada por um arbovírus (vírus transmitidos por mosquitos) do gênero Flavivirus febricis da família Flaviviridae, cujo reservatório natural são os primatas não humanos que habitam florestas e matas tropicais.

Estudos genéticos demonstraram que esse vírus surgiu na África, há cerca de três mil anos e chegou no Brasil nos navios que traziam escravos para trabalhar nas minas e na lavoura, numa época em que as cidades não dispunham de saneamento básico e estavam infestadas de mosquitos. O resultado desse encontro do vírus da Febre Amarela com os mosquitos urbanos trouxe trágicas consequências para a saúde da população. Conheça, Os 15 Principais Sintomas de Febre Amarela:

Principais Sintomas de Febre Amarela: Muitas pessoas que contraem a Febre Amarelanão apresentam sintomas, e quando os apresentam, os mais comuns são:

  • Febre
  • Dores musculares em todo o corpo, principalmente nas costas
  • Dor de cabeça
  • Perda de apetite
  • Náuseas e vômito
  • Olhos, face ou língua avermelhada
  • Fotofobia
  • Fadiga e fraqueza.
  • Vômito;
  • Calafrios;
  • Fraqueza muscular;
  • Pele e olhos amarelados (icterícia);
  • Falta de apetite;

No entanto, uma pequena porcentagem de pessoas pode desenvolver Sintomas de Febre Amarela mais graves cerca de 24 horas após a recuperação dos sintomas mais simples. Nesta fase chamada de tóxica, o vírus pode atingir diversos órgãos e sistemas, mas principalmente o fígado e rins. Os sintomas dessa fase são:


  • Retorno da febre alta
  • Icterícia, devido ao dano que o vírus causa no fígado
  • Urina escura
  • Dores abdominais
  • Sangramentos na boca, nariz, olhos ou estômago.
  • Em casos mais graves o paciente pode apresentar delírios, convulsões e até entrar em coma.

Dependendo do dano causado no organismo, esta fase da Febre Amarela pode levar a morte no intervalo entre sete e dez dias. Por isso, pessoas que são diagnosticadas com Febre Amarela devem estar atentas ao aparecimento dos sintomas iniciais e observar se os sintomas mais graves se manifestarem, para busca de ajuda médica.

Os sintomas da Febre Amarela podem ser confundidos com malária, leptospirose, hepatite viral e dengue hemorrágica. Já os sintomas de dengue comum também se assemelham, apesar de serem um pouco mais leves.

Como Prevenir a Infecção Causada Pelo Vírus da Febre Amarela: Prevenção A Febre Amarela pode ser prevenida através da vacinação. Viajantes também devem tomar precauções contra a picada de mosquitos em áreas com transmissão da Febre Amarela.

Antes de visitar áreas onde ocorre Febre Amarela, os visitantes devem ser vacinados. As pessoas que recebem a vacina contra Febre Amarela devem obter o Certificado Internacional de Vacinação, o qual é requisito para viajar a certos países.

 

Ao visitar áreas tropicais com incidência de Febre Amarela procure evitar picadas de mosquitos.

Quando Estiver ao ar Livre Procure:

  • Vestir camisas de manga comprida e calça comprida.
  • Para proteção extra, trate as roupas com o inseticida permetrina.
  • Usar repelentes contra insetos nas áreas de pele exposta.

Quando Estiver Dentro de Abrigo:

  • Fique o máximo possível em áreas bem protegidas contra entrada de mosquitos.
  • Coloque sprays inseticidas nas áreas de convivência e de dormir.

O tratamento da Febre Amarela serve apenas para aliviar os sintomas da doença, pois não há nenhum tratamento para eliminar o vírus. Dessa forma, normalmente é feito com internamento no hospital para fazer remédios analgésicos e antitérmicos, como o Paracetamol, diretamente na veia, de forma a reduzir as dores e a febre.

Durante o tratamento, é muito importante evitar tomar medicamentos com ácido acetilsalicílico, como a aspirina, pois essa substância aumenta o risco de desenvolver hemorragias, que podem colocar em risco a vida.


Loading...